Menu 

Este pai demorou 14 anos a fazer este vídeo, para nós agora podermos ver!

E vale a pena cada minuto! Ao longo dos 14 anos de vida da sua filha este cineasta holandês foi captando vários momentos em vídeo, e agora decidiu editá-los e compilar um stop motion da evolução da filha ao longo desse tempo, e que mudanças as pessoas sofrem! Quando as vemos todos os dias nem reparamos 🙂

Já fomos visitados por extra-terrestres várias vezes ao longo dos tempos

Um vídeo com a vida extra-terrestre retratada de diferentes formas por 5 civilizações distintas. E agora dirigindo-nos aos mais cépticos, se não são seres extra-terrestres que explicação têm para estes factos?

Como é que vais dormir hoje?

Conta-nos lá, vamos fazer aqui uma espécie de sondagem à população portuguesa, para tentar determinar se ainda predominam as ceroulas ou se já estamos a ficar mais modernos um bocadinho, ou se por outro lado gostamos de tudo ao fresco…se é que me entendes 🙂

10361444_686129014794306_4315653745631984746_n

Como lidar telefonicamente com a NOS

Como em tudo na vida, são as pequenas coisas que nos animam, aquelas pequenas gafes como por exemplo o novo nome da Zon(NOS), que a Sofia aproveitou para fazer uma charada de chorar por mais. Fica a ideia para quem estiver inspirado, naqueles dias em que se liga e que eles parecem estar a gozar connosco e nos deixam pendurados 1 hora à espera, ao menos levam com o remédio:

10329282_662770527144246_6658613271930999167_n

Ele Junta Papel de Pastilha Elástica a uma Pilha, o Resultado é Inacreditável!

Este homem ensina-nos um truque bastante útil para o caso de fazeres campismo e precises de aquecer comida. Quantas vezes vamos acampar e esquecemos-nos que é necessário uma fonte de ignição para cozinharmos. Ao veres este vídeo vais aprender um bom truque para quando te acontecer, não tenhas que ir a correr comprar fósforos. Com uma simples pilha e um papel que envolve as pastilhas elásticas, ele consegue pegar fogo a uma fogueira.

Anedota: Orgulho Madeirense…

Um madeirense, na véspera da noite de núpcias do filho diz-lhe:

– Filho, amanhã tens que mostrar aquilo que vales! Pegas na tua esposa nos braços, porque os madeirenses são fortes; deita-a na cama com jeitinho, porque um madeirense é carinhoso; despe-te em frente dela, porque um madeirense é bonito… e… e, pronto. Os finalmente já tu sabes!

No dia seguinte, pergunta-lhe o pai:

– Então filho fizeste tudo o que te disse?

Responde o filho:

– Sim pai, todinho! Peguei nela, porque um madeirense é forte; deitei-a na cama com jeitinho, porque um madeirense é carinhoso; despi-me em frente dela, porque um madeirense é bonito…

Pergunta o pai entusiasmado:

– E…? E…?

Responde o filho:

– Então???…. Olhe… “bati uma”, porque um madeirense é autónomo e independente!!!